O mecânico Leonardo Cabral França, de 24 anos de idade, foi morto na noite desta quinta-feira, por volta das 19h, […]

Mecânico é executado a tiros no Parque 10, em Manaus

O mecânico Leonardo Cabral França, de 24 anos de idade, foi morto na noite desta quinta-feira, por volta das 19h, na avenida Maneca Marques, no bairro Parque 10 de Novembro, na Zona Centro-Sul de Manaus.

O mecânico foi atingido com pelo menos cinco disparos, sendo quatro na cabeça. A violência do crime fez com que o local ficasse tomado por sangue da vítima.

De acordo com o sargento Leal, da 23° Companhia Interativa Comunitária (Cicom), testemunhas afirmaram que Leonardo estaria trabalhando em uma oficina mecânica, quando “pistoleiros” chegaram possivelmente, em um veículo modelo Volkswagen Gol, antiga geração, de cor branca e efetuaram vários disparos contra o mecânico.

“Recebemos a informação que havia ocorrido um tiroteio na localidade e ao chegarmos constatamos o homem alvejado. Chamamos a equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas eles apenas constataram que o rapaz já estava morto. Assim foi possível apenas acionamos os órgãos competentes para os procedimentos cabíveis “, destacou o policial.

A área do crime foi isolada e a perícia foi realizada pelos profissionais do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC).

O corpo de Leonardo foi removido pela equipe do Instituto Médico Legal e deve passar por exame de necrópsia, antes de ser liberado aos familiares.

O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros. Até o momento a motivação do crime é desconhecida.

Crimes de execução

Os crimes de execução têm sido constantes nas noites em Manaus. A Polícia atribui os assassinatos à ação das facções criminosas que dominam o tráfico de drogas nos bairros da capital e brigam por territórios. As execuções também são relacionadas à dívidas, também relacionadas ao tráfico.

Com informações: Em Tempo

Deixe um comentário