A motorista de aplicativo de mobilidade urbana que arrastou uma idosa de 60 anos, na rua Ovídio Gomes Monteiro, no […]

Motorista que arrastou idosa deve responder por lesão corporal, diz PC-AM

A motorista de aplicativo de mobilidade urbana que arrastou uma idosa de 60 anos, na rua Ovídio Gomes Monteiro, no bairro Lírio do Vale, na Zona Oeste de Manaus, por cerca de 400m deve responder por lesão corporal, de acordo com a Polícia Civil do Amazonas (PC-AM). O caso ocorreu na terça-feira (11) e foi flagrado por câmeras de segurança.

De acordo com a PC-AM, a idosa pediu a corrida por um aplicativo e, ao embarcar, a motorista pediu a ela que colocasse o refrigerante que ela estava levando no porta-malas, pois estaria molhando o veículo. O filho da idosa saiu do veículo para atender o pedido da motorista.

A idosa informou, ao registrar a ocorrência, que após o filho dela guardar o refrigerante, a motorista afirmou que não iria continuar a corrida e requisitou que ela saísse do veículo.

No entanto, no momento em que a idosa estava saindo do veículo, a autora arrancou com o carro arrastando a vítima. A idosa teve ferimentos no joelho no pé direito.

O delegado Mário Paulo Teles, que está respondendo interinamente pelo 19º DIP, informou que foi requisitado exame de corpo de delito para a vítima e um Inquérito Policial (IP) pelo crime de lesão corporal será instaurado para apurar as circunstâncias do caso. Neste momento, outras informações não poderão ser repassadas para não atrapalhar os trabalhos policiais.

Veja o vídeo que mostra o momento da ação:

Com informações: Em Tempo

Deixe um comentário