Na manhã deste sábado (10), um homem identificado apenas como Edivan, matou e estuprou a jovem Juliana Lima Rodrigues (13), […]

Estuprador é morto a pauladas e facadas por moradores do São José

Na manhã deste sábado (10), um homem identificado apenas como Edivan, matou e estuprou a jovem Juliana Lima Rodrigues (13), conhecida pelos amigos como Kekel, que era menor de idade. O crime aconteceu no bairro São José Operário, zona leste da capital.

Depois de ter cometido o crime, o estuprador foi perseguido e alcançado por populares que o espancaram até a morte.

Segundo informações da polícia, a vítima era vizinha do suspeito, e voltava para casa cedo quando teria sido arrastada pelo vizinho para um terreno baldio. Ela estava sozinha e teria sido abordada a alguns metros de distância da sua casa. Há indícios que a vítima teria sido violentada sexualmente. Segundo a família, a vítima foi encontrada sem roupa e com um corte profundo no pescoço, provavelmente desferido com pedaços de vidro.

Os moradores encontraram o corpo de Juliana e acionaram a PM. O Instituto Médico Legal (IML) fez a remoção.

Após localizarem Juliana morta, os moradores encontraram o suspeito tentando fugir antes da chegada dos policiais da 4ª Companhia Interativa Comunitária (4º Cicom). Ele tentou escapar pela comunidade Novo Reino, no bairro Tancredo Neves, mas foi alcançado num imóvel na Avenida Agnello Bittencourt, onde foi agredido a pauladas, facadas e pedradas, vindo a óbito no local.

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investigará o caso.

Fonte: Portal Marcos Santos

Deixe um comentário